Processos SPA

Dado o alto uso do meio digital já recorrente em muitas organizações, utilizar a tecnologia, através de sistemas integrados, para reduzir o consumo e a dependência de papel, mostra-se uma tática eficaz de redução desperdícios. Na UFSC, há o incentivo para aumentar o uso do sistema digital de processos – SPA – e com isso reduzir o número de processos e solicitações físicas.

Nos últimos anos tem sido registrado uma tendência de aumento do uso digital para abertura e tramitação de processos e solicitações, e paralelamente, a redução do meio físico para esses propósitos. O ano de 2017 obteve o melhor resultado dos últimos cinco anos, com 62,1% dos processos e solicitações realizadas no meio digital.

Ao longo desses últimos cinco anos, a UFSC obteve aumento gradual a cada ano no uso do meio digital com esse propósito, conforme pode ser visto na tabela abaixo.

Variação percentual do uso do meio digital para abertura e tramitação de processos em relação ao ano anterior

Além do fato que a UFSC está reduzindo o uso de papel em seus processos físicos, trocando-os por processos digitais, há metas e políticas para incentivar o uso de papel reciclado, o que vêm resultando numa proporção maior de uso desse item.

Confira o memorando de instrução que visa diminuir o desperdício através de estimulação do uso do SPA e padrões estruturais de documento.